Trazendo Ordem ao Caos

Quando não temos a resposta, Ele a tem e espera ansiosamente que O encontremos em nosso lugar secreto!

Trazendo Ordem ao Caos

Estamos vivendo dias de caos. A cada dia que passa penso quem será o próximo a ter sua vida ‘secreta’ exposta. Qual o próximo político, colega ministerial ou sei lá eu quem, que terá que deixar o pódio. Sinto-me como que às vezes anestesiada pelos choques decorridos, que de tão traumáticos, fazem com que eu me encontre em algumas circunstâncias, praticamente sem atitude ou então, pensando mais do que agindo e com isto, não produzindo transformação, mas somando-me aos inúmeros que assistem de camarote partidos, instituições e lideranças sendo riscados das listas guardadas em nossas gavetas mentais, que nos permitem ou permitiam manter e ter relacionamento com tais.
 
Foi devido a este caos e não querendo ser mais uma, que decidi ir diante do Pai em humildade de coração, e na verdade com um espírito quebrado pela vergonha, condenação e culpa de tantas vezes, ser mais uma, condenando tais e outros tantos, que se tornaram ou tem se tornado escândalo.
 
Já aconteceu de você ter lido uma passagem bíblica diversas vezes, mas nunca ter tido ela revelada a você, para uma situação específica?
 
Pois é... neste dia em que decidi buscar respostas, eu percebi que me encontrava em justiça própria vinda da Lei, e então com a precisão de um cirurgião, Ele escolheu o Salmo 97:2 para falar comigo, e a partir daí meu entendimento foi iluminado e meus olhos viram o que dantes não viam e então compreendi o que não compreendia - “Justiça e juízo são a base do teu trono; misericórdia e verdade irão adiante do teu rosto”.
 
O Brasil está sem forma e vazio, olhamos ao redor e não ouvimos uma voz que nos transmita segurança, e nos diga: “Este é o Caminho, segui por ele.” As plataformas ruíram e não há quem possa reconstruir neste momento, e não podemos ignorar que os céus estão anunciando à Igreja que ordene: - “Haja luz!”
 
Ouvimos através de plataformas e púlpitos, em transmissão real ou não, juízos e mais juízos sendo liberados; pessoas sendo encarceradas em seus sonhos, projetos, ideais e ministérios. Aniquilações ocorrendo por decretos de juízo, por sede de poder, exercidos por intermédio de pessoas que desconhecem o Seu Deus e mais, desconhecem a base de Seu trono - "Fazer justiça e juízo é mais aceitável ao Senhor do que sacrifício". Pv. 21:3
 
Ignoramos o exemplo da Trindade, quando em unidade se moveu e colocou ordem no caos. Este princípio bíblico da criação ainda hoje, não pode ser ignorado. O mesmo Espírito continua pronto para agir, esperando que nos levantemos em juízo e justiça a fim de que o Reino de Deus seja estabelecido, e o caos entre em ordem e progresso.
 
Que como autoridades estabelecidas por Ele, usemos de “sabedoria para edificar a casa, e de entendimento para a estabelecer;” e passemos a ser “achados n’Ele, não com justiça própria, mas a que vem de Deus, pela fé” e reconstruamos um Brasil, com uma Igreja da qual, “Deus não se envergonhe de ser chamado de seu Deus.”
 
Mas para isto, faz-se “...necessário que Ele cresça, e que eu diminua.” 
 

Vânia Rorato